Eletricidade da pressão atmosférica

Um engenheiro marroquino, Cherif MASSAOUDI ZOHEIR, inventou e patenteou uma usina movida a pressão atmosférica. Esse conceito havia sido objeto de inúmeras pesquisas no mundo sem chegar a bom termo.

Esta invenção foi apresentada aos engenheiros marroquinos do Centro para o Desenvolvimento de Energias Renováveis ​​(Ministério de Energia e Minas do Reino de Marrocos). Ele recebeu uma resposta muito favorável, pois permite a geração gratuita de eletricidade, respeitando o meio ambiente.

O princípio baseia-se no aprisionamento do ar que entra na pressão atmosférica do momento, encontrado em uma situação de sobrepressão na planta. Esse gradiente de pressão permite produzir um fluxo de ar de saída que gera uma corrente elétrica.

É um pouco como o princípio do ar que acaba preso em uma jarra de geléia caseira, uma jarra que às vezes é difícil de abrir devido às diferenças de pressão entre dentro e fora. Lembre-se também de que os ventos são gerados por diferenças na pressão atmosférica.

Leia também: Hungria muda para biomassa

Resta saber se esse processo pode ser desenvolvido em larga escala.

Fontes: Olivier Daniélo, www.notre-planete.info
Ministério do Meio Ambiente e Minas de Marrocos

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *