Energias renováveis: a Comissão Europeia culpada de incoerência!

A Europa quer estar na vanguarda da investigação […] e na vanguarda das energias renováveis ​​[…], ao mesmo tempo que reduz os subsídios à investigação atribuídos às energias renováveis. De uma média de 275 milhões de euros investidos anualmente entre 1999 e 2002, os orçamentos caíram entre 215 e 260 milhões de euros durante o período de 2003 e 2006. Vá em frente.

Fonte e continuação: alterbusinessnews.be

Leia também:  Energia Solar: download de documentos

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *