Estudo sobre o potencial de injeção de biogás na rede de gás

A Agência de Matérias-Primas Renováveis ​​(FNR) publicou um estudo sobre as perspectivas de introdução do biogás na rede de gás natural.

A Lei de Energia Renovável (EEG) torna rentável a produção de eletricidade a partir do biogás, mas sua exploração na forma de calor seria ainda mais. Assim, a distribuição pela rede de gás natural seria uma alternativa interessante.

O biogás seria primeiramente purificado para alcançar a qualidade do gás natural.

A vantagem seria poder transportá-lo por longas distâncias até o cliente final. Porém, de acordo com o FNR, mesmo que o processo funcionasse, não necessariamente apresentaria um real interesse em todos os lugares: a rede de gás não está suficientemente desenvolvida para permitir o acesso a toda a população, e a qualidade do gás varia em dependendo das regiões. Na conclusão do estudo FNR, a preparação de gás é lucrativa a partir de um determinado tamanho de instalação. O estudo permite determinar em que local e em que condições são interessantes a preparação do gás e a ligação à rede. Também faz suposições sobre as regiões mais interessantes para uma rede de biogás.

Leia também:  Governo assume compromissos 15 sobre biocombustíveis

Para mais informações, entre em contato:
- FNR - tel: +49 3843 69 30 0 - email: infor@fnr.de
- O estudo está disponível gratuitamente em http://www.fnr.de sob o
Seção "Literatur"
Fontes: Depeche idw, comunicado de imprensa do FNR -13 / 04 / 2006
Editor: Valerie Bichler, valerie.bichler@diplomatie.gouv.fr

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *