Consumo sustentável: consumo responsável, dicas de dietaA obsolescência industrial, a história do engano

Consumo e dieta sustentável e responsável dicas diariamente para reduzir consumo de energia e água, resíduos ... Coma: preparações e receitas, encontrar comida, informação de conservação locais e sazonais saudável comida ...
Ahmed
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 9454
Inscrição: 25/02/08, 18:54
Localização: Borgonha
x 990

Re: A obsolescência industrial, a história do engano

não lu mensagempela Ahmed » 25/11/17, 11:33

Em um nível muito mais baixo, acabei de substituir a guia (Jonsered) da minha serra elétrica e noto que o final da guia agora está desprovido dos orifícios de lubrificação do rodízio dianteiro *, que só podem ser substituídos. limite a vida útil, pois o rolamento de rolos não será suficientemente lubrificado pelo óleo da corrente (devido à centrifugação ** no final da guia).
Infelizmente, é impossível para mim remediar isso, porque o furo a ser feito deve abrir imperativamente ao nível dos rolos, o que é concebível somente antes da montagem do rodízio.

* Existem dois sistemas para projetar narizes de guia:
- o nariz de stellite, que é uma aresta adicional feita de liga muito dura, constitui um conjunto muito robusto (perfeito para corte de entalhe), mas que é bastante reservado para máquinas de abate, porque é uma solução bastante cara e o atrito operacional maior que o conjunto do tipo "pinhão" exclui o deslocamento pequeno.
- o pinhão estrela, mencionado acima, cada vez mais difundido, mesmo em máquinas profissionais por razões de custo e apesar de sua maior fragilidade intrínseca (partes móveis de espessura muito limitada).
** É por causa dessa centrifugação que a lubrificação foi assegurada por graxa, menos fluido que óleo).
0 x
"Não acredito que acima de tudo que eu te digo."

Avatar de l'utilisateur
izentrop
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 6361
Inscrição: 17/03/14, 23:42
Localização: picardie
x 503
contato:

Re: A obsolescência industrial, a história do engano

não lu mensagempela izentrop » 25/11/17, 15:56

Ahmed escreveu: Acabei de substituir a guia (Jonsered) da minha serra elétrica e observo que o final da guia agora está desprovido dos orifícios de lubrificação do rodízio dianteiro *, o que só pode limitar a vida útil desde o rolamento em os roletes não serão suficientemente lubrificados com óleo da corrente (devido à centrifugação ** no final da guia).
A corrente também direciona o óleo para o fundo da ranhura da guia. É claro que o óleo é ejetado por força centrífuga, mas isso não impede que aquele que segue a parte de trás da garganta lubrifique esta roda dentada :!: :?:

Eu nunca notei o buraco que você está falando : Wink:
0 x
"Os detalhes fazem a perfeição e perfeição não é um detalhe" Leonardo da Vinci
Ahmed
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 9454
Inscrição: 25/02/08, 18:54
Localização: Borgonha
x 990

Re: A obsolescência industrial, a história do engano

não lu mensagempela Ahmed » 25/11/17, 19:00

Se os fabricantes se deram ao trabalho de integrar esses orifícios de lubrificação na fabricação das guias, é porque o óleo da corrente que é arrastado na parte inferior da ranhura da guia não permite a lubrificação correta, não os dentes do rodízio, mas de fato do rolamento axial. Uma vez que a perfuração desses dois orifícios foi incluída no processo de usinagem, seu custo é quase zero e, portanto, concluo que essa alteração é para acelerar a renovação dessa peça de desgaste.
0 x
"Não acredito que acima de tudo que eu te digo."
Avatar de l'utilisateur
Christophe
mediador
mediador
mensagens: 54915
Inscrição: 10/02/03, 14:06
Localização: planeta Serre
x 1646

Re: A obsolescência industrial, a história do engano

não lu mensagempela Christophe » 28/12/17, 13:50

A Apple acaba de ser pega no ato da obsolescência planejada ... finalmente na confissão: https://lexpansion.lexpress.fr/high-tec ... 72107.html

Então, quem pensou acima que tudo isso era um mito?

Uma associação francesa apresentou uma queixa contra a Apple por "obsolescência planejada" de seu iPhone, depois que o gigante americano admitiu recentemente desacelerar deliberadamente seus antigos modelos de smartphones, de acordo com comunicado divulgado quarta-feira.

O caso de iPhones voluntariamente restringidos pela Apple está ganhando espessura na França. Uma associação apresentou uma queixa contra o gigante americano.

A denúncia foi apresentada na quarta-feira, junto ao Ministério Público em Paris, pela associação Halte à l'obsolescence programmée (Hop). Ele tem como alvo a Apple e a "obsolescência planejada" de seus iPhones, depois que a gigante americana recentemente admitiu desacelerar voluntariamente seus antigos modelos de smartphones.

Em sua denúncia enviada à imprensa, Hop, que também evoca o "engano", acredita que a Apple, por meio de atualizações nos iPhones, reduz voluntariamente seu desempenho e vida útil, a fim de acelerá-lo. substituição. "A Apple implementou uma estratégia abrangente de obsolescência planejada para aumentar as vendas", afirmou a associação em comunicado.

Portanto, considera que a Apple provavelmente será processada por todos os iPhones vendidos na França desde a promulgação da lei de 17 de agosto de 2015, que introduziu o crime de obsolescência programado na lei francesa.

Uma ação de grupo nos Estados Unidos

(...)


Por fim, o fato de a Apple explodir de surpresa não é novidade ... existem apenas aqueles lobotomizados por Appel que não conseguem vê-lo ... : Cheesy:
1 x
Ce forum ajudou você? Ajude-o também para que ele possa continuar ajudando os outros - VAMOS MELHORAR NOSSAS TROCAS NO FÓRUM - Publicar um artigo sobre Econologia e Google Notícias
Avatar de l'utilisateur
Adrien (ex-nico239)
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 7989
Inscrição: 31/05/17, 15:43
Localização: 04
x 1485

Re: A obsolescência industrial, a história do engano

não lu mensagempela Adrien (ex-nico239) » 28/12/17, 15:48

Christophe escreveu:apenas aqueles lobotomizados por Appel que não podem vê-lo ... : Cheesy:


Não tenho nada contra a Apple em particular, mas odeio não ter a ESCOLHA que anda de mãos dadas com uma certa forma de liberdade

E, deste lado, é verdade que a Apple é forte

A Apple ou a Tartempion já estão presas em uma bateria que não pode ser trocada é, para mim, inaceitável.

Depois disso, tecnicamente, a Apple justifica que é tecnicamente obrigada (admitindo que é tecnicamente verdade o que resta a ser comprovado) desacelerar seus iphones para aumentar sua vida útil (que seria, neste caso, o OPOSTO da obsolescência planejada) parte de um bom sentimento.

O que é inaceitável é escondê-lo dos consumidores.

Além disso, pode-se pensar também que é obsolescência programada por "omissão" ....: meu iphone reams, então eu o troco por um novo ....

Em todos os casos, no momento nada foi encontrado melhor do que o meu antigo mega 6.3 (Samsung): tela grande, grande autonomia, bateria substituível em 30 segundos (o que permite ter 2 backups no meu caso), preço operação correta de ocase e níquel.

O que mais você poderia pedir?
0 x

Avatar de l'utilisateur
Christophe
mediador
mediador
mensagens: 54915
Inscrição: 10/02/03, 14:06
Localização: planeta Serre
x 1646

Re: A obsolescência industrial, a história do engano

não lu mensagempela Christophe » 28/12/17, 16:12

Concordamos, mas acho que, na era da web, podemos aprender um mínimo antes de ir para o ato da compra ... Ou muitos CallMen (AppleWomen) não pensam: é "moda" (ou se exibem) eles ou eles querem ... ok, é a escolha deles :)

Caso contrário, a Epson também está na mira: http://www.lemonde.fr/entreprises/artic ... 56994.html

Mas acho que tudo isso os faz sorrir mais do que chorar ...
0 x
Ce forum ajudou você? Ajude-o também para que ele possa continuar ajudando os outros - VAMOS MELHORAR NOSSAS TROCAS NO FÓRUM - Publicar um artigo sobre Econologia e Google Notícias
Avatar de l'utilisateur
Adrien (ex-nico239)
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 7989
Inscrição: 31/05/17, 15:43
Localização: 04
x 1485

Re: A obsolescência industrial, a história do engano

não lu mensagempela Adrien (ex-nico239) » 28/12/17, 23:44

Christophe escreveu:Concordamos, mas acho que, na era da web, podemos aprender um mínimo antes de ir para o ato da compra ... Ou muitos CallMen (AppleWomen) não pensam: é "moda" (ou se exibem) eles ou eles querem ... ok, é a escolha deles :)

Caso contrário, a Epson também está na mira: http://www.lemonde.fr/entreprises/artic ... 56994.html

Mas acho que tudo isso os faz sorrir mais do que chorar ...


Sim, não estou otimista quanto ao nível de conhecimento técnico da maioria ... e ainda pior do menor interesse por essas considerações ....
A maioria das pessoas não se importa

Alguns compram pelo "show off", que não é mais o que recebeu os preços cobrados.
Menos e menos pessoas podem pagar um telefone de 1000 €

Eu acho que muitos ainda compram por simplicidade (real ou fantasia do IOS

O que não significa que o Android seja complicado, mas apenas que o iOS não é complicado ou que as pessoas acreditam que não é ....

Dito isto, a Apple é como o Titanic, mesmo que a água comece a correr, ainda não percebemos que está fluindo.
O baú de guerra ainda é muito importante.
Para continuar em 5 anos ...
0 x
Avatar de l'utilisateur
Christophe
mediador
mediador
mensagens: 54915
Inscrição: 10/02/03, 14:06
Localização: planeta Serre
x 1646

Re: A obsolescência industrial, a história do engano

não lu mensagempela Christophe » 29/12/17, 00:09

nico239 escreveu:A maioria das pessoas não se importa


Não está errado (embora eu conheça amigos, técnicos muito bons, que juram pela Apple ...), mas quando não nos importamos, não reclame muito de ser fodida : Cheesy: : Cheesy: : Cheesy:

nico239 escreveu:Para continuar em 5 anos ...


O possível fim da Apple (ou pelo menos sua predominância) não significaria o fim da confusão de tecnomarketing ... : Cheesy: : Cheesy: : Cheesy:
0 x
Ce forum ajudou você? Ajude-o também para que ele possa continuar ajudando os outros - VAMOS MELHORAR NOSSAS TROCAS NO FÓRUM - Publicar um artigo sobre Econologia e Google Notícias
Avatar de l'utilisateur
Remundo
mediador
mediador
mensagens: 9436
Inscrição: 15/10/07, 16:05
Localização: Clermont Ferrand
x 515

Re: A obsolescência industrial, a história do engano

não lu mensagempela Remundo » 29/12/17, 10:00

mas, em geral, todos esses smartphones no X00 € são golpes. Na minha opinião, trata-se de 50 € no preço de custo das fábricas chinesas. : Roll:

e, como na computação, os sistemas operacionais e / ou a energia disponível se tornam obsoletos depois de alguns anos, seja por incompatibilidade de software ou porque os novos aplicativos consomem recursos excessivamente materiais (RAM + cálculo do processador).
0 x
ImagemImagemImagem
Avatar de l'utilisateur
izentrop
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 6361
Inscrição: 17/03/14, 23:42
Localização: picardie
x 503
contato:

Re: A obsolescência industrial, a história do engano

não lu mensagempela izentrop » 29/12/17, 12:39

Falar sobre fraude é uma palavra importante para descrever as leis do mercado mundial de equilíbrio de oferta / demanda.
Se alguns são capazes de colocar uma fortuna no telefone mais recente, o menor também se beneficia do desenvolvimento tecnológico, é uma questão de tempo.

Hoje, encontramos smartphones abaixo de 100 E, com desempenho totalmente honesto e sem contrato de assinatura com uma operadora. Estranhamente, se você quiser menos de 5 cm ou uma câmera digna desse nome, precisará quebrar o cofrinho. http://www.frandroid.com/guide-dachat/s ... -100-euros.
Esperei este ano para pagar por um e não estou decepcionado. Pelo preço de um navegador GPS, instalei um aplicativo GPS offline e fico impressionado com sua velocidade. Eu mantive minha assinatura do 1 E, só vou à internet com uma conexão wifi.
0 x
"Os detalhes fazem a perfeição e perfeição não é um detalhe" Leonardo da Vinci


Voltar para "Consumo sustentável: consumo responsável, dicas de dieta e truques"

Quem está online?

Usuários navegando neste forum : Não há usuários registrados e convidados 6