Sem sucesso pela justiça

Agricultura e do solo. controle de poluição, recuperação do solo, húmus e novas técnicas agrícolas.
vovó 21
Descobri econológico
Descobri econológico
mensagens: 2
Inscrição: 13/07/21, 13:03

Sem sucesso pela justiça




pela vovó 21 » 09/09/21, 14:56

Bom Dia,
O que é um pedido infundado?
Merci de votre réponse
0 x

Avatar de l'utilisateur
GuyGadeboisTheBack
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 6556
Inscrição: 10/12/20, 20:52
Localização: 04
x 1781

Re: sem sucesso




pela GuyGadeboisTheBack » 09/09/21, 15:06

Blog do Maitre Alexandre GABARD

O que é um pedido manifestamente infundado?
Por alexandre.gabard em Ter, 11/12/2007 - 01:21

Utilização do artigo L. 522-3 do Código de justiça administrativa e seus limites. Ou como o juiz sumário pode rejeitar convenientemente um pedido sem uma audiência e sem um debate contraditório ...


O congestionamento dos tribunais e a necessidade de cuidar de suas estatísticas geram, infelizmente, um ressurgimento da inadmissibilidade dos pedidos (veja uma recente contribuição sobre este ponto do nosso colega Frédéric Rollin: http://frederic-rolin.blogspirit.com/ar ... recevabi...).

Um exemplo atual dessa corrida pela produtividade pode ser encontrado no uso aparentemente crescente do artigo L. 522-3 do Código de Justiça Administrativa, de acordo com o qual:

“Quando o pedido não tiver carácter urgente ou se revelar manifesto, face ao pedido, que não é da competência do tribunal administrativo, que é inadmissível ou infundado, o juiz pode rejeitá-lo por despacho fundamentado, sem que seja necessário aplicar os dois primeiros parágrafos do artigo L. 522-1 ”.

Como qualquer regra derrogatória, o dispositivo definido por este artigo é de interpretação estrita.

Por outras palavras, a opção de o juiz provisório rejeitar um pedido no âmbito das referidas disposições especiais só pode ser exercida, quando o motivo residir na ausência de meios graves, quando o pedido for manifestamente infundado (CE, 19 de julho 2002, M. Bidalou, pedido n ° 248796).

De acordo com a jurisprudência do Conselho de Estado, podem ser considerados manifestamente infundados os pedidos:

- "cujos escritos são redigidos em termos vagos e gerais [e que] não invocam nenhum recurso legal específico" (CE 22 de março de 2007, M. Serge A, solicitação N ° 303883; 3 de janeiro de 2007, solicitação N ° 300244),

- que "não apresenta perante o juiz do processo sumário do Conselho de Estado qualquer indicação precisa sobre os documentos em questão e não formula qualquer meio jurídico contra a decisão impugnada" (CE 18 de agosto de 2005, M. Kodjo A, req. no. . 284166);

- que contém apenas meios ineficazes (CE 14 de outubro de 2002, Sra. Fatma X, pedido n ° 250868);

Basta dizer que a aplicação derrogatória do artigo L. 522-3 do Código de Justiça Administrativa apenas diz respeito, quanto ao mérito, à hipótese de que a improcedência do pedido é certa, e que essa deficiência não pode, obviamente, ser regularizado antes da audiência prevista no artigo L. 522-1 do Código de Justiça Administrativa.

Não poderia ser de outro modo, na medida em que o processo de medidas provisórias é oral, cada uma das partes, a começar pela recorrente, é suscetível de apresentar novos fundamentos ou de apresentar novos factos ou provas.

No entanto, o juiz sumário do Tribunal Administrativo de Melun acaba de indeferir um pedido com base no artigo L. 522-3 do Código de justiça administrativa, sem audiência e sem processo contraditório, considerando que nenhum dos meios parecia adequado para suscitar, no estado da instrução, uma dúvida séria quanto à legalidade da decisão de 21 de novembro de 2006 (TA 21 de agosto de 2007, M. Z, pedido n ° 0704017/2).

O pedido assim indeferido não apresentava, contudo, apenas motivos manifestamente ineficazes, vagos e imprecisos ou manifestamente infundados.

O recorrente, que requereu a suspensão da recusa de renovação da autorização de residência, suscitou, com efeito, fundamentos relativos à incompetência do signatário da decisão, à exceção da ilegalidade de uma primeira decisão tácita. Rejeição do pedido de autorização de residência do recorrente, o erro de facto e de erro de direito que prejudicam a decisão impugnada.

Além disso, vários dos fundamentos invocados só puderam ser rejeitados após o exame das observações e dos documentos da administração que, no caso em apreço, nem sequer foi convidada a apresentá-los!

O pedido foi ainda apoiado por uma exposição dos factos e documentos de apoio.

A utilização do artigo L. 522-3 do Código de Justiça Administrativa parece, portanto, neste caso, abusiva.

E a utilização deste dispositivo é, neste caso, tanto mais chocante que o juiz do processo sumário nem sequer motivou a sua ordem a não ser pela "falta de meios adequados para criar, no estado da investigação, uma dúvida séria como à legalidade da decisão ”.

No quadro especial e derrogatório do artigo L. 522-3 do Código de Justiça Administrativa, que tem o cuidado de condicionar a sua aplicação à obrigação de o juiz em processo sumário proferir uma "decisão fundamentada", a motivação não parece poder reduzir-se à simples expressão da falta de "meios susceptíveis de suscitar, no estado do inquérito, séria dúvida quanto à legalidade da decisão", que só pode ser justificada no regime comum de procedimentos sumários com uma investigação contraditória e uma audiência.

Caberá ao Conselho de Estado decidir sobre a facilidade de utilização pelo juiz administrativo de tal dispositivo que, ao mesmo tempo que permite agilizar o processamento dos stocks de pedidos, representa um risco significativo para o público. direito dos litigantes de acesso a um juiz e a um julgamento justo.

Para ser continuado, portanto.

https://blogavocat.fr/space/alexandre.gabard/contents
0 x
"É melhor mobilizar sua inteligência em besteiras do que mobilizar sua besteira em coisas inteligentes. A doença mais séria do cérebro é pensar." (J. Rouxel)
"Não ?" ©
"Por definição, a causa é o produto do efeito" .... "Não há absolutamente nada a fazer sobre o clima" .... “A natureza é uma merda”. (Exnihiloest, também conhecido como Blédina)
Avatar de l'utilisateur
Christophe
mediador
mediador
mensagens: 62841
Inscrição: 10/02/03, 14:06
Localização: planeta Serre
x 3614

Re: sem sucesso




pela Christophe » 09/09/21, 16:43

mamie21 escreveu:Bom Dia,
O que é um pedido infundado?
Merci de votre réponse


Uh do que você está falando?

Depois das pílulas para dormir, você quer atacar a justiça? poluição-prevenção-saúde / distúrbios do sono-t16932.html

: Shock: : Shock: : Shock:
0 x
Avatar de l'utilisateur
GuyGadeboisTheBack
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 6556
Inscrição: 10/12/20, 20:52
Localização: 04
x 1781

Re: sem sucesso




pela GuyGadeboisTheBack » 09/09/21, 18:42

Christophe escreveu:
mamie21 escreveu:Bom Dia,
O que é um pedido infundado?
Merci de votre réponse


Uh do que você está falando?

Depois das pílulas para dormir, você quer atacar a justiça? poluição-prevenção-saúde / distúrbios do sono-t16932.html

: Shock: : Shock: : Shock:

Eu respondi, foi errado?
0 x
"É melhor mobilizar sua inteligência em besteiras do que mobilizar sua besteira em coisas inteligentes. A doença mais séria do cérebro é pensar." (J. Rouxel)
"Não ?" ©
"Por definição, a causa é o produto do efeito" .... "Não há absolutamente nada a fazer sobre o clima" .... “A natureza é uma merda”. (Exnihiloest, também conhecido como Blédina)
Avatar de l'utilisateur
Christophe
mediador
mediador
mensagens: 62841
Inscrição: 10/02/03, 14:06
Localização: planeta Serre
x 3614

Re: sem sucesso




pela Christophe » 10/09/21, 01:07

Veremos que ela ad granny21iemesiecle nos colocará!
0 x

Avatar de l'utilisateur
GuyGadeboisTheBack
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 6556
Inscrição: 10/12/20, 20:52
Localização: 04
x 1781

Re: sem sucesso




pela GuyGadeboisTheBack » 10/09/21, 11:51

Bom Dia,
Você conhece um bom método para caspa?
Merci de votre réponse
: Mrgreen:
0 x
"É melhor mobilizar sua inteligência em besteiras do que mobilizar sua besteira em coisas inteligentes. A doença mais séria do cérebro é pensar." (J. Rouxel)
"Não ?" ©
"Por definição, a causa é o produto do efeito" .... "Não há absolutamente nada a fazer sobre o clima" .... “A natureza é uma merda”. (Exnihiloest, também conhecido como Blédina)
Avatar de l'utilisateur
Christophe
mediador
mediador
mensagens: 62841
Inscrição: 10/02/03, 14:06
Localização: planeta Serre
x 3614

Re: sem sucesso




pela Christophe » 10/09/21, 12:10

Ha bin, esta pode ser sua terceira mensagem ... ela tinha um cúmplice: fred89-u23720 /
0 x
CharlieG
Descobri econológico
Descobri econológico
mensagens: 1
Inscrição: 10/09/21, 14:02

Re: malsucedido pela justiça




pela CharlieG » 10/09/21, 14:07

mamie21 escreveu:Bom Dia,
O que é um pedido infundado?
Merci de votre réponse


Bom Dia,
Na lei, rejeitar significa rejeitar. Quando o pedido de uma pessoa no tribunal é rejeitado, diz-se que o seu pedido foi negado. O verbo debouter é utilizado exclusivamente no campo do direito. Uma ação rejeitada é uma decisão judicial que rejeita a reclamação do reclamante ou reclamante. O tribunal pode rejeitar o requerente em diferentes fases do processo, independentemente do grau de jurisdição (primeiro ou segundo grau). O pedido é rejeitado quando o juiz considera que o pedido é admissível no formulário, mas não se baseia no mérito. Só falamos de um julgamento de rejeição quando o pedido é infundado (não podemos falar de liberar por qualquer outro motivo que não seja infundado). O queixoso teria então perdido o caso.
0 x
Avatar de l'utilisateur
Macro
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 4283
Inscrição: 04/12/08, 14:34
x 434

Re: malsucedido pela justiça




pela Macro » 10/09/21, 15:43

De rejeitado pela justiça a desgostoso pela injustiça, não há um longo caminho. : Cheesy:
0 x
A única coisa segura no futuro. É que não podem chance de que ele está de acordo com as nossas expectativas ...


Voltar para "Agricultura: problemas e poluição, novas técnicas e soluções"

Quem está online?

Usuários navegando neste forum : Não há usuários registrados e convidados 27