Pantone com injeção multiponto

Edições e alterações aos motores, experiências, descobertas e idéias.
romalebelge
Descobri econológico
Descobri econológico
mensagens: 2
Inscrição: 07/11/05, 16:45

pela romalebelge » 07/11/05, 17:11

Olá a todos, estou interessado nisso há muito tempo e gostaria de ir mais longe
No entanto, muitas vezes vemos modificações feitas em motores diesel ou carros de carbu
Mas e as injeções?
A montagem é adaptável ou não é recomendada?
FYI o carro é um corolla xli 1.3 gasolina de 1995 com sistema EFI e medidor de vazão de paletes
Obrigado a todos pela informação;)
0 x

Avatar de l'utilisateur
O ex-Oceano
mediador
mediador
mensagens: 1570
Inscrição: 04/06/05, 23:10
Localização: Lorena - França
x 1

pela O ex-Oceano » 07/11/05, 21:20

Isso também foi feito com injeções. Uma injeção de gasolina substitui o carburador e o reator é colocado após o injetor.

Em geral, os carros de injeção respeitam os seguintes diagramas:

Filtro de ar-> injetor-> tubo de admissão-> cilindro.

Além disso, os veículos de injeção geralmente têm um sensor de oxigênio (sensor lambda) para regular a quantidade de combustível injetado. Por isso, regula-se ...
0 x
[Modo MODO = ON]
Zieuter mas não acho que menos ...
Andre
Pantone pesquisador do motor
Pantone pesquisador do motor
mensagens: 3787
Inscrição: 17/03/05, 02:35
x 10

pela Andre » 08/11/05, 03:28

Responder a romalebelge
Eu tenho um conjunto de doping de água em uma injeção de ponto único e funciona muito bem
Para o meu outro veículo multiponto Buick, não pretendo usar um reator porque a área de massa Fluxo e difícil de modificar
Mas, no seu caso, o fluxo de ar em massa para paletes deve ser mais fácil de adulterar.
Eu posso explicar que já faz x vezes que eu digo
Quando você drena um motor com água nos gases de escape, há um excesso de oxigênio ou, pelo menos, é o que a sonda detecta, de modo que tende a aumentar os pulsos nos injetores, o que enriquece a mistura,
no final, estamos com mais consumo com doping do que sem doping.
Então, para contornar isso, basta desconectar a sonda lamdba
o motor funciona em loop aberto em um pré-programa, pois o motor é um pouco rico demais, o método consiste em distorcer o sinal do fluxo de ar para a raquete e o problema é resolvido, doping, a água se torna econômica, se usada bem,
Em geral, este sinal e 0-4 volts, um potenciômetro simples nos 4 volts, para o controle permitem um bom ajuste, ele fica esgotado até o motor
começa a acabar, depois volta um pouco para que ele rode. quando o motor estiver quente, não será mais necessário fazer nenhum outro ajuste, para todas as velocidades.
Obviamente, faça esse ajuste somente quando o doping tiver água e em funcionamento; caso contrário, quase não podemos esgotar a mistura,
Em um pequeno experimento, colocamos em operação o reator de dopagem da água e ajustamos a mistura da melhor forma possível. Se cortarmos a água do reator, o motor começará a funcionar muito magro, vibrará e soltaria.
No meu idioma, isso significa que o motor suporta misturas mais magras ao dopar com água. (Não sei explicar), mas já faz muito tempo que eu o vi no meu pequeno motor de 125cc nos meus testes primários em 2002.
André
0 x
ange
Eu aprendo econológico
Eu aprendo econológico
mensagens: 34
Inscrição: 12/10/05, 14:55

pela ange » 12/11/05, 17:42

Bom Dia,
Eu só queria acrescentar uma pequena observação em minha humilde opinião relevante sobre a instalação do reator Pantone em um motor a gasolina de injeção.
Para lidar com o problema lambda, há uma SOLUÇÃO !!!
Inove nos mercados (veja no ebay) o kit de uma sonda de banda larga EMULANDO a sonda lambda comum, encontrada em todos os lugares.

A cereja no topo do bolo é que podemos indurar (programar) qualquer mudança entre o verdadeiro valor do Lambda é o valor enviado ao computador,

Basicamente, admeton o lambda real é 1.1 (muito ruim) após a correção com o probe em questão, acabaremos com o lambda 1.0 no computador.

E é isso ... Role a juventude na gasolina e no pantone :D
0 x
Avatar de l'utilisateur
nlc
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 2751
Inscrição: 10/11/05, 14:39
Localização: Nantes

pela nlc » 15/11/05, 17:18

Estou experimentando a experiência pantone no meu carro, que é um motor multiponto de 2.0l. Portanto, poderei compartilhar os problemas que encontrarei, em particular no nível da sonda lambda.

Sendo um eletricista e possuindo todo o equipamento necessário, osciloscópio digital, etc ... acho que posso modificar os diferentes sinais para que a calculadora fique feliz.

Cyril
0 x


 


  • tópicos similares
    Respostas
    Visualizações
    mensagem dernier

Voltar a "injecção de água nos motores: a montagem e experimentação"

Quem está online?

Usuários navegando neste forum : Não há usuários registrados e convidados 5