Os motores ou os processos mais unidade, debate e idéias?Energia Livre: Um site em Inglês

Mito ou realidade? A questão permanece! Cabe a você julgar nesta parte do forum, processos como as invenções de Tesla, Newman, Perendev, Galey, Bearden, fusão a frio ...

A busca pelo movimento perpétuo tem sido um "fantasma" da mente humana há séculos ...
Avatar de l'utilisateur
sen-no-sen
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 6506
Inscrição: 11/06/09, 13:08
Localização: Alta Beaujolais.
x 510

pela sen-no-sen » 26/12/15, 21:47

A Areva é, contudo, um dos pioneiros no campo da energia eólica offshore ...
O argumento muito (muito) moderno da teoria da conspiração, que visa sufocar qualquer tentativa de surgimento de novas tecnologias, é exagero.
Os monopólios econômicos vão para onde está a lucratividade e qualquer que seja sua natureza.

Se amanhã inventássemos uma máquina de superunidade, não seria mais claro que as empresas multinacionais investiriam maciçamente ...

Além disso, se houvesse apenas uma de suas máquinas, podemos imaginar que, como fenômeno viral, milhares, milhões e bilhões de pessoas seriam equipadas muito rapidamente via DIY, com o con-sentimento ou não dos feios "lobbies" .
Estranhamente, todos os seus "inventores" surunit são aparentemente capazes de quebrar as leis da física, mas ainda ignoram o princípio muito simples de conectar suas máquinas ao medidor doméstico! :ri muito:

Devemos dizer não à sobriedade! :P
0 x
"Às vezes, a engenharia é saber quando parar" Charles De Gaulle.

raymon
Grande Econologue
Grande Econologue
mensagens: 901
Inscrição: 03/12/07, 19:21
Localização: vaucluse
x 8

pela raymon » 27/12/15, 10:01

A Areva é, contudo, um dos pioneiros no campo da energia eólica offshore ...
Especialmente no exterior, na França, eles fazem isso porque são obrigados pela Europa e fazem lavagem verde. Você conhece bem o caro princípio da energia fotovoltaica em torno de 60 cts por kwh: mais lucrativo do que o solicitado pelo cliente, muito interessante pela empresa que representa, muito bom para a política que produzimos energia solar, mas é caro que não pouco não faz muito. A energia eólica pagou 8,2 cts na França e muito mais barata em outros lugares, por que?
E a fusão a frio não é necessariamente a de Rossi, que é uma realidade.
A "realidade" científica de um momento pode ser diferente 50 ou 100 anos depois. Podemos citar exemplos no passado:
Lord Kelvin, físico britânico, presidente da Royal Society, por ter dito em 1895:

"O roubo de máquinas mais pesadas que o ar é impossível"

Apesar de seu talento e importantes contribuições científicas, Lord Kelvin é o principal candidato ao prêmio Rabanne, e provavelmente teremos a oportunidade de indicá-lo novamente no futuro. Note que no momento em que ele declarou isso, Clément Ader provavelmente já havia feito o primeiro voo ...

http://lejeudelavie.blogspot.fr/2007/06 ... -plus.html
0 x
Avatar de l'utilisateur
Grelinette
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 1914
Inscrição: 27/08/08, 15:42
Localização: Provence
x 212

pela Grelinette » 27/12/15, 11:32

Ahmed escreveu:O argumento "lobbies" não se sustenta neste caso específico, ...

Minha observação diz mais respeito à forma do que à substância.
A questão não é saber se os lobbies têm interesse ou não investir em tal ou qual projeto, mas sublinhar que sua onipresença e onipotência obscurecem, em princípio, os debates e as questões fundamentais sobre os grandes assuntos. (o surunitaire não é necessariamente um).
Como resultado, no nível da população, só podemos concluir que não podemos mais acreditar em nada ou em ninguém ... e que não podemos concluir nada!

Enfim, essa perpétua e sistemática disputa com o único propósito de preservar os interesses dos lobbies beneficia principalmente os marginais que buscam vender suas saladas e seus excêntricos projetos: "é como te digo, meu valente senhor, aqui está a diretoria da olá para a humanidade ... mas enquanto os lobbies fizerem de tudo para escondê-lo ... "


a indústria do petróleo, por exemplo, não produz petróleo, mas dinheiro e se a energia "gravitacional" tivesse alguma realidade, nada a impediria de ser redirecionada para esta nova fonte. lucro, o que seria mais confiável do que tentar escondê-lo por todos os meios.

Isso é para esquecer que os princípios básicos dos lobbies são:
"Enquanto o dinheiro estiver fluindo pela nossa torneira, por que abrir outra?"
"... e quando não sobrar dinheiro suficiente na nossa torneira, somos suficientemente poderosos e temos todos os meios para agarrar a torneira que mais corre!"
0 x
Projeto da puxada por cavalos-hybrid - O econology projeto
“A busca pelo progresso não exclui o amor à tradição”
Avatar de l'utilisateur
sen-no-sen
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 6506
Inscrição: 11/06/09, 13:08
Localização: Alta Beaujolais.
x 510

pela sen-no-sen » 27/12/15, 18:04

raymon escreveu:E a fusão a frio não é necessariamente a de Rossi, que é uma realidade.


Desculpe, mas não há absolutamente nenhuma dúvida no momento de afirmar algo sobre a fusão a frio.



A "realidade" científica de um momento pode ser diferente 50 ou 100 anos depois. Podemos citar exemplos no passado:


Certamente, mas este se encaixa em uma estrutura teórica rigorosa, que nada tem a ver com todos os charlatães de bricolage que afirmam muito e nunca demonstram nada.

Como eu disse antes, a reutilização de energia (e não a sobre-unidade) é teoricamente possível, mas impensável em nosso tempo, seria necessário fazer isso para criar um demônio Maxwell, um buraco negro ou um buraco de minhoca ...
0 x
"Às vezes, a engenharia é saber quando parar" Charles De Gaulle.
Avatar de l'utilisateur
Obamot
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 13750
Inscrição: 22/08/09, 22:38
Localização: regio genevesis
x 584

pela Obamot » 27/12/15, 22:38

raymon escreveu:
A Areva é, contudo, um dos pioneiros no campo da energia eólica offshore ...
Especialmente no exterior, na França, eles fazem isso porque são obrigados pela Europa e fazem lavagem verde. Você conhece bem o caro princípio da energia fotovoltaica em torno de 60 cts por kwh: mais lucrativo do que o solicitado pelo cliente, muito interessante pela empresa que representa, muito bom para a política que produzimos energia solar, mas é caro que não pouco não faz muito. A energia eólica pagou 8,2 cts na França e muito mais barata em outros lugares, por que?

Solar com 46% de eficiência e barato de produzir "está na calha". 46% já é uma realidade em fase experimental e em breve em produção (uma vez que a fase experimental foi realizada pelos próprios fabricantes ...).

raymon escreveu:E a fusão a frio não é necessariamente a de Rossi, que é uma realidade.

Não é tanto o problema que a fusão a frio é uma realidade ou não, mas o fato de que as leis da física (das quais você não gosta muito), mas que impedem atingir a eficiência especulada ...

Você pode acreditar que existe um "condutor subterrâneo"que diria:
- "não fale sobre fusão a frio... "

Mas esse não é o caso, é que houve uma overdose. Caso contrário, nesse caso, eu diria a você Raymon, mas por que podemos falar sobre C-PV em 46%? O condutor não interveio neste caso?
Sinceramente, não acho que funcione nesse caso, por trás da Alemanha, que eventualmente está sem energia nuclear, tem todo o interesse em aproveitar qualquer oportunidade tendo resultados tangíveis (e não infinitas "promessas" de resultados com um projeto que nunca dá certo sob suspeita de fraude comprovada, descoberta por um candidato a investidor). Já disse que Rossi (ou outros) - se por tudo isso sua invenção foi tão milagrosa - deveriam ir imediatamente ver Madame Merkel: por que não vão?

raymon escreveu:A "realidade" científica de um momento pode ser diferente 50 ou 100 anos depois

Lá acho que estamos lá. Mal consigo ver os EUA declarando guerra à Alemanha, mas isso pode ser feito à Europa por conflitos interpostos (atualmente é o caso da ameaça de uma nova guerra fria por causa da Ucrânia). .) Mas é por outras razões, razões econômicas globais, que os Estados Unidos podem temer, por exemplo, que a Rússia siga o mesmo caminho que a China e que se torne o primeiro parceiro econômico da Europa. : Sem dúvida, significaria o fim da América como uma superpotência essencial. Sem saída econômica imediata, já está acontecendo em outro lugar >>>
0 x

raymon
Grande Econologue
Grande Econologue
mensagens: 901
Inscrição: 03/12/07, 19:21
Localização: vaucluse
x 8

pela raymon » 28/12/15, 10:16

O condutor não interveio neste caso?

Não acredito em um condutor, mas em pessoas que, sem necessariamente ter muito poder e interesses comuns: ganhar um máximo de dinheiro.
Mas esse não é o caso, é que houve uma overdose. Caso contrário, nesse caso, eu diria a você Raymon, mas por que podemos falar sobre C-PV em 46%?

Sim 46% solar é uma notícia muito boa. Também é verdade que na França somos particularmente lamentáveis ​​com nossa podre energia nuclear.
Acho que estamos aí. Não vejo a América declarando guerra à Alemanha, mas pode fazê-lo na Europa por meio de conflito (este é atualmente o caso com a ameaça de uma nova guerra fria devido à Ucrânia. .) Mas é por outras razões, razões econômicas globais, que a América poderia temer, por exemplo, que a Rússia tome o mesmo caminho que a China, e que se torne o primeiro parceiro econômico da Europa : sem dúvida, significaria o fim da América como uma superpotência inevitável. Sem saída econômica imediata, já está acontecendo em outros lugares >>>

É por isso que estou me divertindo vendo como Putin os está torcendo.
Mas é igualmente surpreendente que os pesquisadores (e não apenas Rossi) obtenham em seus pequenos laboratórios resultados superiores em rendimento ao que o ITER deve fazer e que não haja orçamentos.
0 x
moinsdewatt
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 4669
Inscrição: 28/09/09, 17:35
Localização: Isére
x 477

pela moinsdewatt » 28/12/15, 11:13

oh bem, a AREVA está lutando contra a nova energia do FED?
Existem mortos e feridos?
0 x
raymon
Grande Econologue
Grande Econologue
mensagens: 901
Inscrição: 03/12/07, 19:21
Localização: vaucluse
x 8

pela raymon » 28/12/15, 11:52

oh bem, a AREVA está lutando contra a nova energia do FED?
Existem mortos e feridos?

Pff você confunde a situação na França e internacionalmente.
Como no exterior, a energia nuclear é mal vendida, a energia eólica é vendida. Mas na França, somos o aprendiz de feiticeiro. Obviamente eles são forçados a fazer o vento explicado acima.
0 x
Avatar de l'utilisateur
izentrop
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 6624
Inscrição: 17/03/14, 23:42
Localização: picardie
x 525
contato:

pela izentrop » 29/12/15, 00:21

raymon escreveu:na França, somos particularmente lamentáveis ​​com nossa podre energia nuclear.
Estamos no processo de ficar seriamente para trás, especialmente porque outros estão tendo sucesso no que deixamos de fora. https://fr.wikipedia.org/wiki/BN-800
0 x
raymon
Grande Econologue
Grande Econologue
mensagens: 901
Inscrição: 03/12/07, 19:21
Localização: vaucluse
x 8

pela raymon » 29/12/15, 10:11

Estamos no processo de ficar seriamente para trás, especialmente porque outros estão tendo sucesso no que deixamos de fora. https://fr.wikipedia.org/wiki/BN-800

Arrefecido com metal de sódio super interessante:
O sódio líquido garante melhor dissipação de calor do núcleo do reator do que a água e sua ebulição ocorre em alta temperatura, em torno de 900 graus, permitindo assim que o RNR-Na opere em um nível próximo à pressão atmosférica e reduzindo assim a necessidade de contenção de reatores de água pressurizada.

Mas o sódio também tem algumas falhas: queima em contato com o ar e explode em contato com a água.

Saiba mais sobre http://investir.lesechos.fr/actions/act ... Hgy4Ej2.99

Mesmo assim, é numeroso reproduzir a mesma coisa:
http://peswiki.com/index.php/Directory: ... _Left_Over
0 x


 


  • tópicos similares
    Respostas
    Visualizações
    mensagem dernier

Voltar a "motores ou processos mais unidade, debate e idéias? "

Quem está online?

Usuários navegando neste forum : Não há usuários registrados e convidados 4