A nanomotor energia solar

Químicos da Universidade de Bolonha, em colaboração com pesquisadores da Universidade da Califórnia, desenvolveram o Sunny, um motor limpo e nano que trabalha com a luz do sol. Esse sistema, que transforma energia solar em energia mecânica, é composto de duas moléculas, uma em forma de anel, que deslizam ao longo de um eixo de seis nanômetros formado pela segunda molécula. Quando um fóton atinge o anel, ele muda de forma e se move ao longo do eixo transferindo um elétron. O deslocamento deste "pistão molecular" é revertido graças à energia fornecida por outro fóton. O ciclo deste motor é realizado em menos de um milésimo de segundo, o equivalente a 60 000 rpm para um motor de combustão.
Para explorar a energia mecânica gerada por este dispositivo em uma escala macroscópica, os cientistas estão tentando sincronizar a operação de milhões desses nanomotores. Outra aplicação deste sistema é construir a memória de um "computador químico", sendo a condutividade da molécula em forma de anel modificada pelos fótons incidentes.

Leia também:  Rússia: Moscou aderiu ao Protocolo de Kyoto

Fonte: ADIT

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *