O aquecimento global: censuradas cientistas australianos!

Três cientistas australianos disseram na segunda-feira que foram pressionados pelo governo a manter em silêncio suas opiniões sobre o aquecimento global.

"Disseram-me que não podia dizer nada que indicasse que discordava da política governamental" O australiano Graeme Pearman, ex-diretor do departamento de clima da Organização independente de Pesquisa Científica e Industrial da Commonwealth (CSIRO), disse à televisão ABC.

A Austrália se recusou a ratificar o Protocolo de Kyoto de 1997, que impõe limites às emissões de gases de efeito estufa.

Leia mais

Leia também:  EDF anuncia a supressão de postos de 5000

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *