Uma sacola que produz eletricidade

No Iraque, o soldado de infantaria americano médio carrega cerca de 10 kg de baterias - o equivalente a um terço da massa de sua mochila.

Ele precisa disso para seu rádio, seu sistema GPS, seus óculos de visão noturna, mas também para sistemas de alarme nuclear, bacteriológico e químico (NBBC).

No 2003, a revista Defense Tech observou a dependência das tropas em relação às baterias descartáveis ​​cuja confiabilidade e longevidade não eram confiáveis. O Departamento de Defesa dos EUA está alocando quantias consideráveis ​​para pesquisas com células de combustível.

Leia mais

Leia também:  O compactador de embalagens CDC

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *