Os Estados Unidos dominam a produção de OGM

Não é surpresa, os americanos continuam sendo os primeiros produtores de organismos geneticamente modificados (OGM). De acordo com relatório de um pesquisador da Universidade de Minnesota realizado em nome do Conselho de Informação de Biotecnologia (Washington DC), associação ligada ao setor, 67,5 milhões de hectares foram dedicados a OGM em todo o mundo em 2003-2004, representando um mercado total de $ 43,9 bilhões. Atualmente, dezoito países praticam o cultivo de plantas transgênicas (principalmente soja, milho, algodão e colza), mas cinco deles dominam o setor: os Estados Unidos claro (que respondem por 63% das áreas exploradas de OGM) , Argentina (21%), Canadá (6%) e depois Brasil e China (4%). A posição dominante americana é também reforçada pelo número e diversidade de plantas modificadas autorizadas para cultivo, ou seja, 14 até à data (incluindo melão, arroz, beterraba, tabaco, tomate, etc.).

 LAT 08/12/04 (Culturas biotecnológicas anunciadas em alta no mundo)
http://www.latimes.com/

Leia também:  Versão EconoTour 1!

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *