Diagnóstico imobiliário obrigatório na França

Desde o início de 2011, na França, um vendedor de imóveis é obrigado a estabelecer diagnóstico imobiliário. Esses diagnósticos feitos por um especialista ou uma série de especialistas aprovados devem ser anexados ao arquivo de venda da casa, o Arquivo de Diagnóstico Técnico ou DDT, e são usados ​​para informar o comprador sobre certos riscos. Também protege o vendedor de litígios. Alguns testes sempre foram obrigatórios, mas agora existem mais e quem está pensando em colocar um imóvel no mercado deve saber exatamente o que são esses testes, quem deve realizá-los e quem deve ser responsabilizado se algo der errado.

Custo dos testes de diagnóstico

Se você optar por executar todas as análises de uma só vez, o preços de diagnóstico imobiliário deve ser entre 400 e 600 euros aproximadamente. Se você comparar várias cotações para obter o melhor negócio, provavelmente descobrirá que algumas áreas são mais caras do que outras e a lista de especialistas recomendados pela prefeitura não oferece tantas opções quanto você deseja.

O preço de um diagnóstico imobiliário depende do área da sua propriedade. Também varia dependendo se você está vendendo ou alugando seu imóvel. Em qualquer caso, é aconselhável realizar todos os diagnósticos obrigatórios de uma só vez, isso pode ajudá-lo a economizar dinheiro. Não existe um regulamento ou regulamento que defina o preço do diagnóstico: cada empresa pode cobrar os preços que desejar.

 

Como encontrar especialistas certificados?

Para garantir que os especialistas que realizam o diagnóstico sejam devidamente certificados, você deve consultar a sua prefeitura, que lhe fornecerá os dados de contato das pessoas a serem chamadas. O COFRAC é o organismo de acreditação e todos os especialistas devem estar registrados nele. Um tabelião ou um bom agente imobiliário também fornecerá nomes e contatos de especialistas qualificados.

Leia também:  Coeficientes de transmissão térmica de metais comuns

Outra maneira eficiente e rápida de encontrar diagnosticador certificado é acessar um site que conecte proprietários e empresas de diagnóstico reconhecidas. Esta solução é eficaz porque você pode encontrar muitas empresas em um só lugar e comparar seus preços. Isso economiza seu tempo e garante que você entre em contato com um profissional sério.

O que acontece se os diagnósticos não forem realizados?

Esses relatórios são um requisito legal para todas as propriedades vendidas. Este documento deve ser entregue ao novo proprietário o mais tardar no dia da assinatura. Se você não atender a todos os diagnósticos necessários, você, como vendedor, permanecer responsável por quaisquer problemas decorrentes dessas áreas. O relatório é, portanto, anexado ao contrato de vendas.

Embora seja seriamente aconselhável que todos os testes sejam feitos antes de colocar o produto no mercado, alguns testes podem ser legalmente feitos mais tarde, desde que sejam concluídos antes da venda. A exceção a esta regra é a nova exigência de um teste de eficiência energética, que deve ser realizado antes da casa ser colocada no mercado e exibida em todos os anúncios.

No entanto, como vendedor, sua obrigação se limita a fornecer as informações necessárias para que o comprador conhecimento de possíveis falhas de sua propriedade. Portanto, você não precisa fazer nenhum trabalho para corrigi-los. Porém, é possível que, caso algum problema seja destacado no relatório, um potencial comprador desista da venda ou exija uma redução no preço.

Leia também:  Crédito tributário: bomba de calor e energia solar renovável, madeira

Diagnósticos obrigatórios

Desde 2013, 9 diagnósticos são obrigatórios no contexto de uma venda.

Triagem paraamianto

Todas as propriedades que obtiveram uma licença de construção antes de 1997 devem ser testadas quanto à presença de amianto.

CREP (descoberta de risco de exposição ao chumbo)

Este teste é apenas para o uso de chumbo em tintas, onde pode representar um perigo para a saúde de crianças ou animais de estimação, não chumbo brilhando em telhados, etc.

O diagnóstico de gás

Os testes devem ser realizados na propriedade se a conexão de gás foi instalada mais de quinze anos antes da venda.

Diagnóstico de eletricidade

Tal como acontece com o gás, são necessários testes se o ativo teve ligação à rede elétrica há mais de quinze anos.

O diagnóstico saneamento

O objetivo deste diagnóstico é garantir que as ligações às redes de esgotos cumprem as normas em vigor.

Diagnóstico de cupins

Todos os imóveis devem ser submetidos a laudo de cupim, que abrange o imóvel e seu entorno, sendo esse diagnóstico obrigatório quer o imóvel esteja localizado em áreas que estejam ou possam estar contaminadas. Sua prefeitura informará se sua propriedade está em uma área contaminada ou não. Infestação de cupins pode destruir uma propriedade, por isso é do interesse de todos saber o resultado deste teste. Além disso, a presença de outros parasitas escavadores e fungos comedores de madeira (podridão seca) é verificada durante o diagnóstico. Também é importante saber que um relatório de infestação de cupins é válido apenas por seis meses.

Leia também:  Reduza suas contas de energia

Diagnóstico ERP

Uma avaliação de risco natural também deve ser realizada para o arquivo de vendas. Isso não abrange apenas o probabilidade de desastres naturais às quais a área pode estar exposta, como terremotos, inundações ou incêndios florestais, mas também os efeitos de qualquer ação industrial local que possa causar emissões tóxicas, degradação do solo etc.

Carrez Law

Este diagnóstico aplica-se apenas a imóveis de condomínio (vertical ou horizontal). É necessário estabelecer com precisão a área do imóvel vendido. Casas individuais não estão sujeitas a este critério.

Le diagnóstico de desempenho energético

Esse diagnóstico de desempenho energético foi adicionado à lista de diagnósticos obrigatórios como parte de uma venda e aluguel desde 2013. Deve ser feito antes que o imóvel seja colocado para venda ou aluguel e o relatório deve ser exibido com seu anúncio. O relatório indica a eficiência energética da propriedade e contabiliza as emissões de gases de efeito estufa. Ele também fornece conselhos sobre como melhorar a eficiência, reduzir contas e reduzir as emissões. Sua validade é de dez anos a partir da data da inspeção.

Uma pergunta ? Alguma dúvida sobre seus resultados? Pergunte ao nosso especialistas imobiliários em nosso forums

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *